consulta

Pacientes que realizam consulta on-line aderem a modalidade

De acordo com uma pesquisa, mais de 70% dos pacientes que realizaram uma consulta on-line passaram a aderir o atendimento remoto mais de uma vez. Ainda mais após a necessidade de isolamento social graças a Covid-19.

Para entender melhor como as empresas de telemedicina tornaram-se mais presentes e essenciais na área da saúde, basta continuar lendo este conteúdo!

Precisando de uma ambulância?

Aumento da consultas on-line na pandemia

consulta

Não há dúvidas de que o atendimento on-line ganhou uma série de novos adeptos durante os últimos anos. Entre os pacientes que já realizaram uma consulta on-line, cerca de 73% afirmaram que voltariam a aderir a modalidade mais uma vez, de acordo com a pesquisa da Conexa Saúde, em parceria com o Datafolha.

Além disso, essa pesquisa também apontou que mais de 70% dos entrevistados gostaram da experiência do atendimento on-line. Os dados exibem a avaliação dos pacientes quanto à praticidade, qualidade do atendimento e velocidade.

Apenas nos anos de 2020 e 2021, por volta de 52,2 milhões de médicos atenderam mais de 7,5 milhões de pacientes por meio de uma plataforma virtual, segundo a Saúde Digital Brasil.

Isso indica que entre 2020 e 2021 muitas pessoas passaram a conhecer a telemedicina e as grandes vantagens e possibilidades que oferece aos pacientes. Antes de março de 2020, poucas pessoas já haviam feito uma consulta on-line ou sequer conheciam essa modalidade.

Atendimento por telemedicina dobra com ômicron e gripe

Só na semana entre o Natal e Ano Novo os atendimentos online dobraram a cada 36 horas, de acordo com dados que a Saúde Digital Brasil em conjunto com empresas que representam cerca de 90% do mercado privado de telessaúde no Brasil.

Nessa semana, as consultas por telemedicina em relação a casos de Covid-19 e Influenza aumentaram de 7 mil para 15 mil. E só nos primeiros dias de janeiro de 2022 esse número pode ultrapassar mais de 50 mil atendimentos, conforme estimativas da própria organização.

Já segundo a empresa de saúde digital Grupo Conexa, houve um aumento, em média, de 150% no atendimento de pacientes em todo o Brasil, devido aos novos avanços das doenças.

São Paulo e Rio de Janeiro são os estados que detém o maior índice de procura, com avanços de 180% e 101%.

Regulamentação da telemedicina tramita no Congresso Nacional

A telemedicina já conta com sua própria regulamentação aqui no país e seu futuro ainda é bastante promissor. Desde que surgiu essa área da medicina que envolve atender os pacientes de modo remoto tem sido de grande ajuda e fazendo com que o acesso à saúde seja mais amplo para qualquer pessoa.

Seja para fazer consultas, exames de rotina ou em situações de urgência, a telemedicina é de grande apoio. A modalidade contribui tanto para prevenir, quanto para diagnosticar, monitorar e tratar doenças, lesões, entre outras condições médicas.

Tudo é feito a distância, o que significa que o médico e paciente não precisam, necessariamente, estar no mesmo lugar. Com o aumento significativo dessa modalidade durante a pandemia, obteve a sua regulamentação temporária da atividade remota pela Portaria 467 do Ministério da Saúde.

Sendo que a regulamentação definitiva tramita no Congresso Nacional. No momento, existem cerca de 50 projetos de lei em relação ao assunto sendo discutidos na Câmara dos Deputados.

Entre os projetos, está o PL 1998, de 2020, que autoriza e define a prática da telemedicina em todo o Brasil, e outros 5 no Senado. Essa regulamentação é crucial para tornar padrão os critérios de segurança e éticos da modalidade.

Assim como para definir as modalidades para o atendimento on-line, entre outros fatores. Mas, é importante lembrar que essa regulamentação não pode se tornar uma barreira para as pessoas terem acesso à saúde.

É preciso que ajude e facilite o acesso a saúde para todas as pessoas, pensada diretamente para o mundo digital.

Vantagens da telemedicina para os pacientes

consulta

Como você pôde ver ao longo deste conteúdo, inúmeras pessoas já estão aderindo a telemedicina devido aos vários benefícios que oferece. Afinal, essa modalidade ajuda a tratar diversas doenças e condições médicas à distância, sem quaisquer barreiras geográficas, tornando o atendimento mais eficiente.

Sendo assim, confira logo abaixo algumas das principais vantagens desse atendimento on-line para os pacientes!

Melhor acesso aos cuidados de saúde

Um dos maiores benefícios da telemedicina é o fato de tornar mais simples e fácil para pessoas com deficiência terem acesso à saúde. Assim como permite que outras pessoas tenham acesso fácil aos cuidados, como os idosos, pessoas que moram em regiões onde não há hospitais e aqueles em isolamento.

Cuidados preventivos

A telemedicina também torna mais prático o acesso das pessoas a cuidados preventivos que são importantes para a melhora da saúde a longo prazo. Isso é importante, em principal, para aqueles que têm de lidar com barreiras financeiras ou geográficas para ter acesso a um atendimento de qualidade.

Por exemplo, segundo um estudo feito em 2012 com pessoas com doença arterial coronariana, a telemedicina preventiva melhorou os resultados de saúde dessas pessoas.

Conveniência

Ter acesso aos cuidados necessários no conforto e privacidade da própria casa é, sem dúvida, um dos maiores benefícios das consultas on-line. Além disso, a pessoa não precisa se ausentar do trabalho ou então deixar os filhos sob os cuidados de outras pessoas.

Retarda a propagação da infecção

O hospital é um dos locais onde uma pessoa tem maiores chances de ser contaminado por outras doenças, por causa de outros pacientes. Para pessoas que têm algum outro tipo de doença ou sistema imune mais fraco, os riscos são ainda maiores e mais perigosos.

Porém, com o atendimento on-line, todos os ricos de contrair quaisquer doenças ou infecções hospitalares são eliminados 100%.

Conclusão

consulta

Viu só como a telemedicina têm sido cada vez mais usada nos dias de hoje? Ainda mais diante de uma crise sanitária tal qual o mundo todo enfrenta, o atendimento on-line não só torna mais ágil, como também seguro para todos!

E você, o que achou deste conteúdo? Ainda ficou com alguma dúvida sobre o assunto? Não esqueça de deixar o seu comentário e compartilhar com os seus amigos também!

Leia também:

Gilson Rodrigues de Siqueira
Gilson Rodrigues de Siqueira
Formado em enfermagem, pós graduado, palestrante em dependência química, diretor e proprietário da Brasil Emergências Médicas, Visão Tattoo e escritor nas horas vagas.

13 Responses

Leave a Reply

COMPARTILHE

Facebook
Twitter
LinkedIn

JUNTE-SE A MILHARES DE PESSOAS

Cadastre-se em Nossa Newsletter e receba conteúdos exclusivos e com prioridade!

Leia Mais

Artigos Relacionados

JUNTE-SE A MILHARES DE PESSOAS

Cadastre-se em Nossa Newsletter WhatsApp e receba conteúdos exclusivos e com prioridade!