escova de dente

Saúde bucal: a importância de trocar a escova de dente

A higienização bucal é muito importante para evitar doenças, e um dos principais pontos dela é a troca da escova de dente. Entenda quando deve fazer isso.

Escovação

A escovação é fundamental para que tenha gengivas saudáveis. Então, ela deve ser o ponto principal. 

O ideal é escovar bem as áreas próximas à gengiva, principalmente a região entre ela e o dente. Se as cerdas não atingirem essa parte, não terá uma escovação de qualidade. Desse modo, não terá tido uma boa limpeza. 

Além disso, é importante lembrar do uso do fio dental. 

Como escolher a escova de dente?

A escova ideal deve ter a cabeça, que é a parte que segura as cerdas, pequena para ter  um maior alcance nas áreas mais distantes e difíceis dentro da cavidade bucal.

Essas cerdas, que são os pelinhos, devem ser ultramacias com as pontas arredondadas para não causar danos aos tecidos gengivais e nem desgastes desnecessários aos dentes.

Já o cabo deve ser levemente amolado para chegar aos cantinhos mais difíceis.

É importante que a escova seja trocada a cada seis meses ou sempre que ela tiver torcidas, com as cerdas tortas ou quando estiverem moles.  

Além de escolher a escova ideal, é importante saber usá-la corretamente, por isso é importante visitas regulares à clínica dentária.

O que ocorre se houver a falta de escovação?

Com a ausência da escovação, surgem as placas bacterianas nos dentes.

A placa bacteriana é uma camada esbranquiçada e amolecida que aparece sobre os dentes.  Isso acontece quando as bactérias que estão presentes na boca passam a se multiplicar.

Elas encontram quantidades de alimento na boca, e com a falta da escovação, elas ficam grudadas nos dentes. Assim, ao longo dos dias, o problema começa.

Com essa adesão entre os dentes e a gengiva, começam outras complicações como a gengivite.

Gengivite

A gengivite é uma inflamação inicial da gengiva, e os seus principais sintomas são o sangramento, vermelhidão e inchaço. Ela acontece quando os restos de alimentos acumulados entre os dentes não são removidos. 

No momento em que observar o sangramento, é necessário ir até o consultório dentário, para uma avaliação de um especialista.

A gengivite não causa dor, mas quando o fio dental é passado pelos dentes, acontece o sangramento. Ela também não afeta a boca de modo geral, somente as regiões menos higienizadas.

Caso a pessoa continue sem limpar os dentes de modo correto, as placas bacterianas vão aumentar e ficar endurecidas, formando assim, o tártaro.

Tártaro

O tártaro nada mais é do que a placa bacteriana endurecida. A sua remoção pode ser feita em um dentista emergência 24 horas.

Caso não seja bem tratado, ele pode até mesmo desenvolver mau hálito.

Cárie

Caso o processo da falta de higiene continue, costumam surgir as cáries. E é neste momento que as pessoas costumam ir ao dentista reclamando de dor de dente.

O dentista passa a analisar que a cárie surgiu como consequência da falta de higienização bucal e também, da má alimentação. 

Saiba alguns alimentos que causam a cárie:

  • Açúcar em excesso;
  • Refrigerantes;
  • Comidas ricas em carboidrato;
  • Amido de milho.

A cárie é uma desmineralização causada pelas bactérias acumuladas no dente, danificando o esmalte dentário.

Esse esmalte é a parte branca do dente e a que protege ele da sensibilidade. Quando é atingido pela cárie, acabam sendo consumidos e a arcada dentária fica amarela.

É importante que a cárie seja identificada no seu estágio inicial, porque assim é possível resolvê-la com a restauração do dente que foi acometido.

Quando ela se encontra em um estágio avançado, só é possível resolver com tratamento de canal.

Além desses dois tratamentos para o paciente corrigir a pigmentação do dente, é possível iniciar um procedimento com uma lente de contato de resina.

Periodontite

A periodontite é um problema mais grave que acontece em torno do dente. Essa infecção afeta o ligamento dos ossos da boca.

Com o passar do tempo e o estabelecimento da placa bacteriana, do tártaro, além da ausência da escovação, essa infecção vai evoluindo e reduzindo o tamanho do ligamento e do osso.

Sendo assim, é comum que os dentes fiquem moles. Desse modo, o paciente poderá sofrer com a perda dele. Nesse caso, é necessário ir até uma clínica de implante dentário.

Importância da escovação

Com escovação, todas essas doenças mencionadas serão evitadas. A escovação deverá ser feita com a escova inclinada, abrangendo principalmente a gengiva e os dentes.

Além disso, não se esqueça do uso do fio dental e do raspador de língua. Fora isso, sempre vá ao dentista regularmente para realizar uma limpeza profissional.

Conteúdo originalmente desenvolvido pela equipe do blog Qualivida Online, site no qual é possível encontrar diversas informações e conteúdos sobre os cuidados com a saúde física e mental.

Leia também:

Namata
Namata

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

COMPARTILHE

Facebook
Twitter
LinkedIn

JUNTE-SE A MILHARES DE PESSOAS

Entre para nosso grupo de WhatsApp e receba conteúdos exclusivos e com prioridade!

JUNTE-SE A MILHARES DE PESSOAS

Entre para nosso grupo de WhatsApp e receba conteúdos exclusivos e com prioridade!